Diocese de Sobral - Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Reriutaba CE
Home » » "Comunicar através da arte os valores do Evangelho", diz Papa

"Comunicar através da arte os valores do Evangelho", diz Papa

Postado por Jardel Viana sábado, 1 de dezembro de 2012 | 05:59

Sábado, 01 de dezembro de 2012, 10h55









A Praça São Pedro, no Vaticano, ganhou uma “decoração” especial neste sábado, 1º: um carrossel e uma tenda de circo foram montados para preanunciar o encontro de Bento XVI com os circenses, realizado no final da manhã de hoje.

O espetáculo começou cedo. Às nove da manhã (hora local), cerca de sete mil circenses participantes de um encontro promovido pelo Pontifício Conselho dos Migrantes e Itinerantes fizeram um cortejo do Castel Sant’Angelo até a Praça, que contou ainda com a presença de 500 membros de bandas musicais, que deram ritmo à festa, mesmo sob chuva.

Leia mais
.: Papa envia mensagem a artistas


Momentos depois, já na Sala Paulo VI, palhaços, equilibristas, malabaristas e acrobatas de vários países europeus e dos Estados Unidos se exibiram e deram seu testemunho diante de Bento XVI.

Após acariciar dois filhotes de leão, em seu discurso o Papa ressaltou a característica desta “grande família”, ou seja, comunicar através da arte. “A alegria dos espetáculos, a graça das coreografias, o ritmo da música constituem um caminho imediato de comunicação para colocar-se em diálogo com crianças e adultos, suscitando sentimento de serenidade, de alegria e de concórdia.”

Justamente a partir dessas características, continuou o Pontífice, o mundo do “espetáculo itinerante” é chamado a testemunhar os valores que fazem parte de sua tradição, como o amor pela família, o cuidado pela crianças e pelos idosos. Esta profissão requer renúncias e sacrifícios, responsabilidade e perseverança, coragem e generosidade: virtudes que a sociedade de hoje nem sempre aprecia, mas que contribuíram para formar inteiras gerações de circenses.

Bento XVI mencionou ainda os problemas relacionados a esta condição itinerante, como a instrução dos filhos, a busca de locais aptos para os espetáculos e a burocracia, que atinge principalmente os trabalhadores estrangeiros. “Faço votos de que as administrações públicas se empenhem para tutelar essa categoria”, desejou o Pontífice.

A seguir, Bento XVI recordou que a própria Igreja é peregrina, assim como o mundo circense, encorajando-os a oferecerem às jovens gerações, com os valores do Evangelho, a esperança e o encorajamento de que necessitam, evitando atitudes que impedem de colher a beleza da existência, como o pessimismo e o lucro a qualquer custo.

“Queridos artistas e agentes do espetáculo, repito o que afirmei no início do meu Pontificado: ‘Não há nada mais belo do que ser alcançados, surpreendidos pelo Evangelho, por Cristo. Não há nada de mais belo do que conhecê-Lo e comunicar com os outros a Sua amizade. Só nesta amizade se abrem realmente as grandes potencialidades da condição humana. Só nesta amizade experimentamos o que é belo e o que liberta’.”

Fonte: Canção Nova Notícias.
Compartilhe nossos Artigos :

0 comentários:

Queremos sua sugestão

Deixe seu'Comentário aqui... !

Seja Mais Você também um Dizimista

Seja Mais Você também um Dizimista

Papa Francisco

Papa Francisco

Bispo Diocesano

Bispo Diocesano

Nosso Pároco

Nosso Pároco

Nossa Padroeira

Nossa Padroeira

Liturgia Diária

Faça seu Pedido de Oração

Terço Online

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Proudly powered by Blogger
Copyright © 2011. Capela de São João Batista de Riacho das Flores - All Rights Reserved
Template Design by Creating Website Published by Mas Template